Atuar no lugar do seu dia a dia com o mundo nas mãos para fazer do mundo uma só família no amor!

"Os cristãos leigos são homens e mulheres da Igreja no coração do mundo, homens e mulheres do mundo no coração da Igreja!" (PUEBLA 789)

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

4º Congresso Missionário Nacional


Aconteceu nos dias 7 a 10 de setembro, o 4º Congresso Missionário Nacional, promovido pelas Pontifícias Obras Missionárias (POM) em comunhão com o Conselho Missionário Nacional (Comina) e a Arquidiocese de Olinda e Recife.

Estiveram representando os Leigos Missionários Xaverianos do Brasil Sul, IAM, Diocese de Guarapuava e COMIPRO Província de Curitiba Maria Angélica Kroetz Kovalhuk e Elizete da Aparecida Toledo.

Com o objetivo geral de impulsionar as Igrejas no Brasil para um dinamismo de saída e caminhar juntos no testemunho da alegria do Evangelho, da comunhão e do profetismo, no compromisso com “as alegrias e as esperanças, as tristezas e as angústias dos homens e mulheres de hoje, sobretudo dos pobres e de todos aqueles que sofrem” (GS 1) e objetivos específicos:
 – Preparar o 5º Congresso Missionário Americano (CAM 5), dias 11 a 15 de julho de 2018, na Bolívia.– Aprofundar o compromisso com a proposta da Igreja em saída.
– Promover a integração das forças missionárias da Igreja do Brasil.
– Incentivar a cooperação intereclesial e a missão ad gentes.
– Celebrar a caminhada missionária da Igreja do Brasil.
O 4º CMN reuniu 600 delegados representantes dos 18 regionais da CNBB e outros 100 convidados que foram hospedados por famílias da arquidiocese de Olinda e Recife. 

A metodologia do Congresso girou em torno de quatro palavras inspiradoras: ENCONTRAR, CONTEMPLAR, DISCERNIR e COMPROMETER. A temática teve três eixos: I. a Alegria do Evangelho; II. Sinodalidade e comunhão; III. Testemunho e profetismo. Além disso, “Igreja em saída na perspectiva ad gentes” foi o eixo transversal. Para debater o conteúdo foram apresentadas cinco grandes conferências com desdobramento das reflexões em mais 30 oficinas.


Não podemos ter a tentação de fugir da cruz. O testemunho fiel da missão sempre foi a melhor pregação que a Igreja pode fazer na história da humanidade.

“Missão não é propriedade particular, mas tarefa eclesial”, afirma presidente da CNBB, D. Sergio da Rocha

“Missão não é propriedade particular, mas tarefa eclesial”, afirma presidente da CNBB, D. Sergio da Rocha


O 4º CMN está em sintonia com a caminhada missionária da Igreja e serve de preparação do Brasil ao 5º Congresso Missionário Americano (CAM 5), a ser realizado nos dias 11 a 15 de julho de 2018, em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, com a temática “A alegria do Evangelho, coração da missão profética, fonte de reconciliação e comunhão”.
Apresentação da IAM
Foram travadas reflexões que deram novo ânimo ao dinamismo de uma Igreja em saída no Brasil. O Congresso Missionário Nacional contou com aproximadamente 700 pessoas. Cardeal, Bispos, padres, religiosos, religiosas, leigos, leigas, seminaristas, diáconos, responsáveis pelos COMIDIs e COMIREs, assumiram juntos as orientações para delinear as ações missionárias nas Igrejas particulares, nas comunidades, nas famílias e todas as pessoas batizadas testemunhando a alegria do Evangelho.
Parte da síntese dos GT´s - Leigos

Os missionários e missionárias enriqueceram e se inquietaram na escuta da diversidade de dons, de ministérios, características no jeito de fazer, de pensar e agir na missão enchendo-os da beleza arrebatadora do intenso desejo de anunciar, especialmente no testemunho de tantos mártires que na doação da própria vida, tornam fecunda a missão.
A vitalidade da comunhão nos torna corresponsáveis na escuta recíproca que caminha no caminho da sinodalidade. A Igreja recebeu o serviço urgente, à luz da Evangelli gaudium, de revisar e interpelar a missão que ultrapassa a cooperação missionária envolvendo o mistério amoroso do Pai pelo Filho no Espírito Santo transformando pessoas, comunidades e a sociedade no aprendizado dócil e frutuoso fonte da nossa alegria.

A hospedagem na casa de famílias lançou o testemunho do serviço na disponibilidade de uma Igreja "em saída” enfatizando o seguimento deste novo paradigma de Igreja missionária. 
Família do Walison com a esposa Luana e o filho Wendel

Na visita à casa de Dom Helder, emoção e compreensão do grande testemunho para o Brasil deste profeta do séc XX.
Quarto de Dom Helder




Participantes do 4º CMN Regional Sul 2


Maria Angélica K. Kovalhuk
Curitiba - Pr

FONTE: http://www.pom.org.br/ 

TESTEMUNHO: NA IDENTIDADE E FIDELIDADE AO CARISMA XAVERIANO


Cada encontro de formação onde Leigos e leigas missionários xaverianos se reúnem cria-se um clima de acolhida e amizade fortalecida pela espiritualidade do carisma de São Guido Maria Conforti.

Nos dias 14 e 15 de outubro, na cidade de Goioerê foram resgatados elementos preciosos do ensinamento e experiência na perspectiva de São Guido,  sob o olhar de Maria, que avançaram revitalizando a missão do leigo apresentado pelo Pe. Alfiero. Isto porque a organização do encontro foi determinante pela articulação da trajetória do Grupo de Goioerê. O mergulho profundo deixou marcas significativas do carisma de São Guido Maria Conforti em alguns testemunhos audaciosos que foram fruto da formação dos padres xaverianos. Ora nos seminários, ora nas paróquias Xaverianas implantadas em meados da década de 60 fundamentaram leigos como ponto de partida e de chegada neste momento de síntese do verdadeiro agir do Leigo e da Leiga Missionários Xaverianos para os nossos dias.

Foi uma oportunidade de rever e projetar um novo percurso irradiado por luzes que não se apagaram e conceberam um dos primeiros grupos de leigos e leigas esperançosos e alegres no serviço corajoso à Igreja, novo, criativo, capaz de responder os desafios da missão ad vitam, ad gentes, ad tempus, ad extra e ad intra, na realidade atual.

Foi percebido que a identidade do Leigo e Leiga missionário xaveriano está sendo moldada pela vivência do carisma proposto por São Guido Maria Conforti enaltecido pelas particularidades regionais inseridas na história das Igrejas Xaverianas locais. Na sinodalidade  com a família Xaveriana, na Igreja pós conciliar indica caminhos e meios para discernir, acompanhar, cultivar e amadurecer a missão. A densidade e a dinâmica que gera vidas novas e práticas mais seguras explodem em iniciativas nascidas da luz forte da espiritualidade confortiana.

Maria Angélica Kroetz Kovalhuk
LMX Curitiba - Pr

sábado, 14 de outubro de 2017

2º Encontro Estadual dos Leigos Missionários Xaverianos

Aconteceu em Goioerê-Pr, nos dias 14 e 15 de outubro de 2017, no CESC - Centro Educacional Santa Clara, o 2º Encontro Estadual dos Leigos Missionários Xaverianos, onde estavam presentes representantes de Curitiba, Laranjeiras do Sul, Londrina e Goioerê.


Nosso querido Pe. Alfieiro, que veio de Hortolândia-PR, participou e assessorou o encontro.

Padre Alfiero Ceresolli, sx - Assessor dos LMX Brasil Sul.

Pe Alfiero e seu caderno de anotações das missas celebradas.

Anotações do Pe Alfiero, sx quando chegou ao Brasil e
celebrou a primeira missa em Goioerê-PR.
Foi um momento muito especial quando partilhou seu testemunho de Missionário Xaveriano, que na década de 60 esteve aqui trabalhando juntamente com o Pe. Luige Depaoli, visitando todas as comunidades de Jipe e às vezes de cavalo, e também contamos com o nosso Pároco Pe. Francisco Dantas e Pe. Aédio, nosso diretor Espiritual.






Foram dois dias de muito aprendizado, onde tivemos momentos fortes de oração, de partilha, e de escuta. Momentos de reflexão profunda quando Pe. Alfieiro, com sabedoria e conhecimento da vida do nosso fundador, fez-nos pensar, refletir como seguir os passos de São Guido, homem de Deus, simples, humilde, que tinha em mente sempre a união dos povos, fazer do Mundo uma só Família.
Subsídos, material de estudo e Campanha Missionária 2017
Cada um dos participantes, acolheu o mandato e apelo do fundador: cada um faça sua parte pelo Batismo!
Pe. Alfieiro, concluiu esta reflexão nos falando da importância que Maria teve na vida de São Guido, e que reflete em todos nós Cristão e de maneira particular, em nós Leigos Missionários Xaverianos engajados em nossas Comunidades, estarmos a serviço, como Maria sempre fez em sua vida, sempre do lado dos necessitados.

Com uma reflexão profunda e questionadora Pe. Francisco Dantas, Pároco da Igreja Nossa Senhora das Candeias, apresentou tópicos da “Doutrina Social da Igreja segundo Mateus”.  Cada um, a partir de Jesus Cristo é chamado a sair de si para ter um mundo humanizado, fraterno e mais justo.

Padre Francisco Dantas - Pároco Nossa Senhora das Candeias - Goioerê - PR
Finalizando o dia, participamos da Eucaristia na Paróquia Nossa Senhora Das Candeias, celebrada pelo Pe. Alfieiro. Em seguida tivemos um jantar delicioso e terminando o dia com um momento de descontração, uma noite cultural, com várias apresentações com as crianças e adolescentes do Projeto Santa Clara, instituição que acolhe 170 crianças e que é dirigida pelo Mauro e outras apresentações da casa da cultura da cidade de Goioerê.


Casal Isabel e Mauro - Ofertório Missa



Grupo de Leigos Missionários - Paraná

No Domingo, mais momentos profundos de oração, de reflexão, juntos rezamos o terço missionário, dedicando às Missões, aos Missionários Xaverianos espalhados pelo mundo inteiro, e na seqüência, a Elizete nos falou sobra sua vivência missionária na África, uma experiência cheia de vida, de esperança, de entusiasmo, vivenciando a vida deste povo simples, humilde, até mesmo sofrido, porém alegre, alegria esta estampada no rosto. Um povo sorridente, sedento de Deus, e isto nos motiva, a sair de nós mesmo e ir ao encontro do outro.

Complementando esta reflexão sobre as missões, nos falou sobre o Ano Nacional do Laicato (2017-2018) e Projeto Alto Solimões, projeto este, que nos remete ao sair de nós, irmos ao encontro dos irmãos do Amazonas, porém, precisamos nos preparar muito, nos capacitar para irmos ao encontro dos nossos irmãos que vivem nas periferias e aos longos dos rios e igarapés do outro lado do Brasil.

Terminando nosso encontro com uma reflexão sobre as “Regras de vida” onde cada grupo, na plenária, pode manifestar seus anseios e desejos de viver o laicato de forma simples, mas que reflete o pensamento e a maneira de viver de São Guido, com uma identidade clara e testemunhal.







Finalizando estes dois dias de Encontro, com uma benção especial do Pe. Alfieiro, que nos disse que, após seu encontro com o Papa Francisco este lhe autorizava dar esta benção especial, e que nos alegrou em muito.
Pequenos gestos de amor

Dando por encerrado o  2º Encontro Estadual do Paraná, foi servido um delicioso almoço e já deixando saudades nos corações de todos pelos bons momentos que vivemos juntos em comunhão, em fraternidade sempre tendo em mente o sonho de  Guido Maria Conforte, “ Fazer do Mundo, uma só Família”.


Texto: Mauro Menon 
LMX Goioerê -PR
Veja mais fotos do 2º Encontro Estadual




Grupo de adolescentes do CESC.































Santa Clara, padroeira do CESC

Fundadora do CESC

Dra. Maria Isabella Palmieri Co-Fundadora do CESC








FOTOS: Elizete da Aparecida Toledo
            Maria P. dos Santos
            Isabel Menon